Pesquisar no site...

A Federação Brasileira de Associações de Engenheiros, Agrônomos e Arquitetos (Febrae) elegeu os membros para compor sua Diretoria Executiva e seu Conselho Fiscal para o triênio 2019 a 2021. A votação, que ocorreu no dia 14 de dezembro de 2018, em Assembleia Geral Ordinária, foi realizada na sede do Instituto Brasileiro de Engenharia de Custos (Ibec). 

O engenheiro civil José Tadeu da Silva foi escolhido presidente da Febrae. Além dele, mais 11 membros compõem a Diretoria Executiva. O superintendente de Relações Institucionais do Crea-Minas e presidente da Federação das Associações de Engenharia, Arquitetura e Agronomia do Estado De Minas Gerais (Faea-MG), engenheiro civil Jean Marcus Ribeiro foi eleito segundo vice-presidente. 

Segundo Jean Marcus Ribeiro, além de representar a engenharia nacional, defendendo alguns temas, a Febrae tem participação ativa na engenharia internacional, como membro da Unión Panamericana de Asociaciones de Ingenieros (Upadi), da World Federation of Engineering Organizations/ Fédération Mondiale des Organisations d’Ingénieurs (Wfeo/Fmoi) e Federação de Engenheiros de Língua Portuguesa (Faelp). “A Febrae é muito importante para a engenharia. Debate e se posiciona sobre temas relevantes, como água, energia, Sistema Confea/Crea e Mútua, defesa da engenharia nacional, valorização profissional e fortalecimento das entidades”, destacou. 

Diretoria Executiva 

Presidente - José Tadeu da Silva, da Associação dos Engenheiros e Arquitetos da região de Mogi Guaçu

1º Vice-presidente - Duaia Vargas da Silveira, da Associação Brasileira de Engenheiras e Arquitetas (Abea) e Clube de Engenharia do Rio de Janeiro

2º Vice-presidente - Jean Marcus Ribeiro, da Federação das Associações de Engenharia, Arquitetura e Agronomia do Estado de Minas Gerais (Faea-MG)

3º Vice-presidente - Valmir Antunes da Silva, da Associação Catarinense de Engenheiros (ACE)

Diretor - Hideraldo Rodrigues Gomes, da Associação Bandeirante de Engenheiros, Arquitetos e Agrônomos (Abeaa)

Diretor - Luiz Ary Romcy, do Clube de Engenharia do Ceará (CEC)

Diretor - Daniel Oliveira Sobrinho, do Clube de Engenharia do Pará (CEP)

Diretor - Aramis Arauz Guerra, da Associação Brasileira de Engenheiros Eletricistas (Abee)

Diretor - João Batista Paim, do Clube de Engenharia da Bahia (CEB)

Diretor - Joaquim Marino Telle, da Associação Mongaguaense de Engenheiros e Arquitetos (Amea) 

Diretor - Hideki Matsuda, da Associação de Engenheiros e Técnicos de Mogi Mirim (Aseaamm)

Diretor - Everaldo Piccinin, da Associação dos Engenheiros e Arquitetos de Limeira (Aeal)

Conselho Fiscal 

Membro Titular - Angelo Petto Neto, da Associação de Engenheiros Agrônomos do Estado de São Paulo (Aeasp)

Membro Titular - Lúcio Antônio Ivar do Sul, do Clube de Engenharia de Brasília (Cenb)

Membro Titular - Auro Doyle Sampaio, da Associação Brasileira dos Engenheiros Eletricistas de São Paulo (Abee-SP)

Membro Suplente - Getúlio Alves Barreto, da Associação de Arquitetos, Engenheiros e Técnicos de Jandira

Membro Suplente - Paulo Armando Panunzio, da Associação Guaratinguetaense de Engenheiros e Arquitetos (Agea)

Membro Suplente - José Demetrius Vieira, da Associação de Engenheiros e Arquitetos de Lorena (Aeal)

Febrae 

A Febrae foi fundada em 7 de dezembro de 1935, pelo engenheiro civil e de minas Francisco Saturnino de Brito Filho. A Federação foi declarada de utilidade pública pelo Decreto Federal 34.867, de 30 de dezembro de 1953, assinado pelo presidente da República, Getúlio Vargas, e pelo ministro da Justiça e Negócios Interiores, Tancredo Neves. Hoje, ela é formada pelas principais associações de engenheiros estabelecidas no Brasil.  

Além da Diretoria Executiva, a Febrae possui um Conselho Diretor, formado por delegados representantes das associações federadas, em número mínimo de um e máximo de três por associação. 

Saiba mais em http://febrae.org.br/