Pesquisar...

Para valorizar e divulgar ações e projetos que contribuem para a preservação e melhoria da qualidade ambiental em Minas Gerais, o Conselho Estadual de Política Ambiental (Copam) criou o Prêmio Natureza Gerais, por meio da Deliberação Normativa 224.

Os concorrentes ao Prêmio são indicados por membros do Plenário do Copam, que deve justificar sua escolha. O representante do Crea-Minas no Conselho Estadual de Política Ambiental, engenheiro ambiental Alírio Mendes Júnior, indicou um dos classificados em primeiro lugar, o Prêmio ArcelorMittal de Meio Ambiente, da unidade de Juiz de Fora. “É gratificante representar o Crea no Copam e neste Prêmio, nossa escolha contemplou um projeto em que crianças e adolescentes desenvolvem uma consciência ambiental”, destacou.

O projeto Prêmio ArcelorMittal de Meio Ambiente propõe a discussão de uma temática ambiental junto a escolas públicas e particulares e a filhos de empregados da empresa. A edição deste ano trabalhou o tema Meio ambiente e ciência: reduzir, reutilizar e reciclar – os 3 Rs no meu dia a dia. Para a analista de meio ambiente da ArcelorMittal, Geane Fayer, o objetivo foi “buscar soluções para os problemas ambientais e promover a conscientização, preparando as novas gerações para a preservação do meio ambiente".

Além do Prêmio Arcelor Mittal de Meio Ambiente, indicado pelo Crea-Minas que venceu na categoria melhor ação ou projeto ambiental promovido pelo setor produtivo, outros três classificaram-se em primeiro lugar. São eles, os projetos Conservador das Águas, da Secretaria de Meio Ambiente da Prefeitura de Extrema, na categoria melhor ação ou projeto ambiental promovido por órgãos ou entidades públicas; o Lei.a – conhecimento e ação pelo meio ambiente, da Associação dos Observadores do Meio Ambiente e do Patrimônio Cultural de Minas Gerais, na categoria melhor ação ou projeto ambiental promovido pela sociedade civil e; o Prêmio Exemplo em Cidadania Ambiental, do professor e curador da Coleção de Paleontologia do Museu de Ciências Naturais da PUC Minas, Castor Cartelle Guerra, na categoria melhor exemplo em cidadania ambiental. Eles receberam uma placa do secretário de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Germano Vieira, e dos conselheiros do Copam que fizeram a indicação. Os demais finalistas ganharam um certificado.