Pesquisar...

O 4º Encontro Nacional das Assessorias Jurídicas do Sistema Confea/Crea (Enaj) reuniu em Brasília, entre os dias 20 a 23 de novembro de 2018, procuradores de todos os Creas.

O objetivo do Enaj foi integrar as procuradorias do Confea e dos Creas, com o alinhamento de conceitos e práticas das assessorias jurídicas. Para o procurador-geral do Crea-Minas, Rubens Jardim, o encontro buscou “unificar os entendimentos jurídicos do Sistema e discutir as dificuldades e peculiaridades da atuação das assessorias”, destacou. 

Durante os quatro dias do Enaj, foram apresentados seis painéis que trataram dos desafios das procuradorias do Sistema; de inovações legislativas e prerrogativas processuais dos Conselhos Profissionais; de auditoria no Sistema Confea/Crea; de ética e advocacia pública; de direito administrativo; de aspectos processuais e legais da fiscalização do exercício profissional. Já nos grupos temáticos foram debatidos advocacia preventiva e passivos judiciais, saída dos técnicos industriais, reforma trabalhista, dentre outros. 

Homenagens 

No penúltimo dia do Enaj, quatro procuradores do Sistema Confea/Crea foram homenageados. Do Confea, foi Tayssa de Abreu; do Crea-SC, Claude Pasteur; e do Crea-MS, Michele de Souza Tavarani. 

A procuradora do Crea-Minas, Romy Valadares, que trabalha no Regional mineiro há nove anos também recebeu uma placa com homenagens. “Senti-me honrada pelo reconhecimento dos trabalhos prestados em favor do Sistema Confea/Crea, em que me dediquei à defesa dos interesses dos profissionais da engenharia mineira”, afirmou.

 

Fotos: Marck Castro