Pesquisar no site...

No dia 11 de outubro de 2018, o Crea-Minas sediou uma reunião com o objetivo de promover a troca de informações e experiências entre os Regionais do Sudeste. A ideia é otimizar projetos e serviços prestados aos profissionais e sociedade pelos Conselhos.

Os presidentes do Crea-Minas, engenheiro civil Lucio Borges; do Crea-RJ, engenheiro eletricista e de segurança do trabalho Luiz Antonio Cosenza; e do Crea-ES, engenharia civil Lúcia Helena Vilarinho Ramos pretendem fortalecer a representatividade dos Crea do Sudeste dentro do Sistema. “Nosso intuito não é dividir, mas multiplicar esforços para otimizar nossas atividades”, destacou Lucio Borges. Além de debater temas de interesse da engenharia, os líderes também compartilharam dados que potencializam o trabalho em cada um dos Creas.

crea sudeste em pe

 

Mútua - A primeira etapa da reunião contou com a participação do presidente da Mútua, Paulo Guimarães; o diretor nacional, Jorge Silveira e os diretores da Caixa de Assistência em Minas, Abelardo Novaes, Otávio Dutra e José Caetano.  Os representantes da Mútua destacaram o entrosamento entre a Caixa de Assistência e o Conselho, a importância das ações conjuntas de valorização profissional e o incentivo à participação dos estudantes no Sistema. “O papel dos Creas Juniores é muito importante. É uma instância que permite que os estudantes conheçam o Sistema e se tornem lideranças, defendendo as nossas profissões”, sintetizou Paulo Guimarães. O presidente da Mútua também reforçou o caráter assistencial da instituição e falou sobre os planos futuros de instituir benefícios como bolsa alimentação e medicação e ofertar aos sócios titulares plano odontológico gratuito.

Indústria 4.0 - Na sequência, os presidentes do Sudeste conheceram o projeto de qualificação  para a chamada Indústria 4.0, apresentado pelo engenheiro civil Aécio Lira, professor e ex-diretor da Escola de Engenharia da UFMG. Segundo Aécio, a intenção é começar na formação dos novos profissionais e na educação continuada daqueles já inseridos no mercado. “Os agentes dessa mudança são os profissionais de base tecnológica, e o engenheiro é o ator principal da indústria 4.0”, explicou.

reuniao sudeste aeciolira

Integração - Os presidentes dos Creas Sudeste também tiveram a oportunidade de conhecer a estrutura e o trabalho do Regional de Minas nas áreas de Atendimento, Fiscalização, Planejamento e Tecnologia. O objetivo, ao visitar cada uma das áreas, é avaliar como elas têm solucionado as demandas dos profissionais, com apresentação de iniciativas e ações bem-sucedidas. O compartilhamento das experiências de cada Conselho fortalece a integração e a uniformização dos procedimentos.

Também participaram das atividades o diretor Administrativo e Financeiro, engenheiro civil Walmir de Almeida Januário; o diretor de Planejamento, Gestão e Tecnologia, engenheiro mecânico Waldimir Teles Filho e o diretor de Recursos Humanos, engenheiro eletricista Flávio Vianna; e o chefe de gabinete, engenheiro civil Marcos Gervársio. 

creasp sudeste

O presidente do Crea-SP, o engenheiro de Telecomunicações Vinícius Marchese, em virtude de agenda, não pode participar da reunião. Entretanto, por considerar que a integração e intercâmbio de experiências é relevante para o aprimoramento das ações do Sistema, Vinicius Marchese esteve no Crea-Minas na terça-feira, dia 9 de outubro, para discutir os mesmos pontos de pauta que os demais.