Pesquisar...

Para buscar o apoio do Crea-Minas na realização da 24ª edição do Congresso Brasileiro de Engenheiros Civis (Cbenc), o presidente nacional da Associação Brasileira de Engenheiros Civis (Abenc), engenheiro civil Francisco Ladaga e o presidente da Abenc-MG, engenheiro civil Romário Aurélio, participaram de uma reunião com o presidente do Crea-Minas, engenheiro civil Lucio Borges, no dia 03 de setembro de 2018. Na ocasião, eles discutiram a atual situação do mercado de trabalho da engenharia civil no Brasil e a importância do evento, que ocorrerá entre os dias 9 e 11 de outubro na capital mineira. 

 O Congresso é considerado o maior evento de engenharia civil do país. De acordo com Francisco Ladaga, o Cbenc já é tradicional na área e a expectativa é de que cresça a cada ano a participação dos profissionais de todo o país. “Procuramos reunir grandes lideranças da engenharia civil, como os presidentes dos Creas, presidentes dos Departamentos Regionais da Abenc, Coordenadorias de Câmaras Especializadas de Engenharia Civil do Sistema Confea/Crea, representantes dos sindicatos de construção civil”, explica o presidente da Abenc.

 Engenharia Civil em Movimento foi o tema escolhido para esta edição do Congresso, que procura abranger segmentos da engenharia civil, como transporte, infraestrutura, saneamento e construção civil. Além de palestras, haverá também minicursos que abordarão os temas: Segurança contra Incêndios; Novo Sistema Construtivo a ser normatizado no Brasil “Wood Frame”; Tecnologia Nuclear e sua Interface na Engenharia Civil; Ensaios não destrutivos aplicados à Engenharia Civil; Utilização do software Navisworks em obra; Ferrovias - Projeto, Construção e Manutenção e Responsabilidade e atuação do engenheiro civil na aplicação da Norma de Desempenho de Edificações Habitacionais.

 É a segunda vez que Belo Horizonte sedia o Cbenc. A primeira ocorreu em 2009. O presidente da Abenc de Minas Gerais destaca que a capital possui estrutura suficiente para receber o evento. “Nosso estado é rico em recursos naturais e temos profissionais qualificados que contribuem para desenvolvimento da engenharia”, enfatiza.

 A expectativa da organização é de que participem do Congresso cerca de 900 profissionais durante os três dias de programação. A 25ª edição do evento será realizada em Aracaju, capital do Estado de Sergipe.

 

Confira as fotos