Pesquisar no site...

Os fiscais do Crea-Minas das regiões Metropolitana, Central e Sudeste participaram, nos dias 07 e 08 de agosto de 2018, do primeiro treinamento da fiscalização na  mineração. Durante 16 horas, eles tiveram uma visão geral da cadeia produtiva do setor com as suas implicações técnicas e ambientais, objetivando sua capacitação técnica para o exercício da atividade profissional.

O supervisor de fiscalização da mineração do Crea-Minas, engenheiro de minas Newton Reis, explicou aos fiscais as principais etapas de um empreendimento minerário, desde a prospecção e a pesquisa mineral até o fechamento da mina, com sua respectiva recuperação ambiental.Ele apresentou também alguns métodos e equipamentos utilizados nas fases de lavra, beneficiamento e concentração mineral,  bem como as tecnologias empregadase, em especial, ressaltando a sustentabilidade ambiental dos empreendimentos.


Outro ponto importante destacado pelo supervisor da fiscalização é que todo projeto de mineração, e sua implantação, deverá ser elaborado e executado por um profissional legalmente habilitado. “Os profissionais habilitados e qualificados para desempenhar a função de responsável técnico das atividades de prospecção, que é o início da procura do bem mineral, e de pesquisa mineral, estudo aprofundado, são os engenheiros de minas, os engenheiros geólogos e os geólogos”, ressaltou Newton Reis.

Mesmo já tendo fiscalizado atividades de mineração há mais de 10 anos, o fiscal Levi Antunes reconhece que aprendeu muito no treinamento sobre o setor. “O treinamento nos trouxe informações valiosas sobre a existência de atividades, até então desconhecidas por mim, como monitoramento e gestão de poços de rebaixamento de lençol freático em minas, georreferenciamento e sensoriamento remoto, geoprocessamento”, pontuou.