Pesquisar no site...

O conselheiro federal por Minas Gerais, engenheiro civil Gilson Queiroz, participou das atividades do Crea-MG, no dia 05 de março de 2020. Além da reunião Plenária, Gilson também esteve na Câmara Especializada de Agronomia (CEAGR). “Como representante do Crea-MG precisamos trabalhar para que os interesses dos profissionais sejam atendidos”, explicou Gilson. Ele frisou que está aberto para ouvir as questões de Minas e defendê-las, da melhor forma, no plenário do Confea.

O convite para participar da reunião da CEAGR foi feito pela coordenadora, engenheira agrônoma Camila Karen Reis Barbosa, para tratar da compatibilização de carga horária e da concessão de atribuições e títulos profissionais. Um caso citado por Camila foi o do curso de Agroecologia. Criado para atender a um nicho específico, o curso tem mais 70% da grade de engenharia agronômica e demanda uma concessão de atribuições adequada.

Integração

Também presente à Plenária do dia 5 de março, o conselheiro federal suplente, engenheiro civil Ivo de Oliveira Junior, reafirmou o compromisso dele, e do titular Gilson Queiroz, de participar, sempre que possível, das reuniões de Câmara e Plenárias do Crea-MG. 

Ele destacou, ainda, que qualquer Câmara, qualquer profissional da engenharia, da agronomia e das geociências do estado podem e devem recorrer aos conselheiros federais. “É importante que nós dois estejamos inteirados dos assuntos de Minas e, um com outro, para que no plenário federal, nosso voto seja coerente com a defesa dos interesses do estado”, destacou o Ivo.