Pesquisar no site...

O vice-presidente, engenheiro mecânico Edilio Ramos Veloso, assumiu o exercício da Presidência do Crea-MG. O motivo é o pedido de licença do engenheiro civil Lucio Borges, no dia 28 de fevereiro de 2020.

Edilio exerce a Presidência com a determinação de ajudar no encaminhamento das questões relevantes para o Conselho, assim como no desenvolvimento de oportunidades para a engenharia, a agronomia e as geociências. Ele destaca que também pretende trabalhar contra a PEC 108/2019. “Temos que continuar focados na defesa total [dos conselhos] e contra a PEC 108, que preconiza a natureza jurídica dos conselhos profissionais. Fazendo isso estaremos defendendo a engenharia nacional que precisa, nesse momento, de total apoio, valorização e fortalecimento”, destacou.

Formação e experiência profissional

Edilio Ramos Veloso graduou-se em engenharia mecânica em 1985 na PUC Minas e especializou-se em engenharia de segurança do trabalho na mesma universidade. É pós-graduado em gestão empresarial e gestão de projetos, pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Trabalhou na Usiminas por 40 anos, onde foi responsável por liderar projetos de segurança do trabalho de grande complexidade, analisando impactos na organização. Desde 2018, é suplente no Conselho de Administração da Usiminas, como representante dos empregados. Atualmente, também está como secretário-geral do Senge MG, pelo segundo mandato.