Pesquisar no site...

Prestação de contas  e resultados da fiscalização do Crea-MG foram tratados pelo presidente do Conselho, engenheiro civil Lucio Borges,  com os profissionais de Oliveira. O encontro, realizado na Inspetoria, no dia 13 de janeiro de 2020, faz parte da agenda de reuniões no interior. “Em virtude de compromissos assumidos e, principalmente, com saída dos técnicos industriais e agrícolas, tivemos que fazer mais com menos para garantir o equilíbrio financeiro das contas. Apesar de reduzirmos o número de pessoal e de contratos conseguimos nos reestruturar e alcançar bons resultados”, destacou Lucio.

Para o inspetor-chefe do Crea-MG em Oliveira, engenheiro eletricista Sandro Maurício Santos, além de esclarecer os profissionais sobre a função do Conselho, trazem informações relevantes sobre atuação profissional, mercado e outros. “Esses encontros são importantes, pois trazem para os profissionais conhecimento sobre diversos setores da engenharia e agronomia, que poderá ser muito usado no agronegócio da nossa região”, ressaltou Sandro.

Mais de 54 mil ações de fiscalização foram realizadas pelo Crea-MG em todas as regiões do estado em 2019. Deste total, os fiscais verificaram mais de 20 mil irregularidades em obras e serviços de engenharia, agronomia e geociências. Também foram realizadas 12 Fiscalizações Regionais Dirigidas (FRDs) e cerca de 70 blitze, sendo nove delas na região central, onde está Oliveira.