O presidente do Crea-MG, engenheiro civil Lucio Borges, reuniu-se com prefeito de Três Pontas, engenheiro civil Marcelo Chaves Garcia, que foi inspetor do Conselho, e seu vice Luis Carlos da Silva para conversar a respeito de um convênio de mútua cooperação com o Crea. “O Crea possui uma estrutura boa pelo estado inteiro, além de possuir profissionais capacitados que podem ajudar na fiscalização. A prefeitura é falha, fazer essa parceria para fiscalizar é importante, para que se evite, por exemplo, entulhos jogados em terrenos baldios e pensar no gerenciamento da reutilização dos resíduos da construção civil”, destacou Marcelo.

Eles debateram também, a necessidade de elaboração de um novo Plano Diretor para Três Pontas. O atual foi criado em 1988, pela Fundação João Pinheiro, e impulsionou o crescimento da cidade, a meta era revisar a cada quatro anos e isso não ocorreu. Marcelo ressaltou a importância de se fazer um novo estudo. “Para o melhor planejamento do crescimento das cidades, para evitar uma série de problemas que temos visto como inundações, desmoronamentos e trânsito complicado, um planejamento mais amplo”, afirmou Marcelo.

Na oportunidade o presidente do Conselho explicou que o Crea-MG tem se mobilizado para participar da elaboração e do debate de políticas públicas através da indicação de profissionais para nos representar em conselhos municipais. "Além disso, com as parcerias temos o objetivo de ampliar a troca de informações sobre obras e serviços de engenharia, agronomia e das geociências, ampliando a eficiência das ações de fiscalização", garantiu.

Também participaram da reunião, realizada no dia 24 de fevereiro de 2021, na sede do Conselho, o conselheiro do Crea-MG, engenheiro mecânico Donizeti Leão de Miranda e os gerentes do Departamento de Comunicação e Relações com Colégios, engenheiro civil Jean Marcus Ribeiro, e da Divisão de Gestão de Colégios Maria Cristina da Silva.