Pesquisar no site...

Os presidentes do Crea-MG, engenheiro civil Lucio Borges, e do Crea-SP, engenheiro de telecomunicações Vinícius Marchese, reuniram-se com o objetivo de trocar experiências nas ações de fiscalização dos Conselhos. O encontro ocorreu, no dia 02 de julho de 2019, na sede do Regional mineiro.

Na oportunidade, os presidentes compartilharam informações e destacaram a importância de fiscalizar empresas de engenharia e profissionais do Sistema Confea/Crea que atuam na área da saúde, como, por exemplo, em hospitais. Em 2016, o Conselho paulista criou um grupo de trabalho voltado para este segmento, com o objetivo de contribuir com uma cultura de prevenção e segurança para usuários do sistema de saúde. Segundo Vinícius, a interação entre o Crea-SP e o Crea-MG é fundamental para a fiscalização. "Esse contato entre os Conselhos permite a troca de técnicas, de experiências e de conhecimentos. Em 2017, o enfoque do Crea São Paulo foi a fiscalização hospitalar e o resultado foi muito interessante. A partir disso, estamos compartilhando essas ações com o objetivo de que mais hospitais sejam contemplados”, destacou.

Em outubro de 2018, o Crea-MG realizou uma ação de fiscalização em hospitais. Na abordagem, os fiscais verificaram se as empresas prestadoras de serviço possuíam registro no Conselho, se os profissionais da área tecnológica tinham atribuições para tais serviços e se emitiam suas Anotações de Responsabilidade Técnica (ARTs). Agora, a intenção é expandir a fiscalização a outros hospitais.

Além da fiscalização hospitalar, os presidentes dos Creas discutiram a importância da fiscalização de barragens. De acordo com Vinícius é fundamental debater esse tema com o Crea-MG por causa dos recentes acidentes ocorridos em Brumadinho e Mariana. Ele ainda explicou que, este ano, o Crea-SP está fiscalizando mais este segmento e buscando experiências com o Regional mineiro.

Para Lucio Borges, a discussão com o presidente do Crea-SP contribui com o alinhamento de diversas questões. “Nossos encontros têm sido muito proveitosos. Estamos sempre compartilhando informações que ajudam no nosso trabalho de fiscalização e também no dos outros Conselhos. Para nós é importante realizarmos essas ações integradas para a padronização dos procedimentos”, ressaltou.