Pesquisar no site...

O presidente do Crea-MG, Lucio Borges,  esteve na Cemig para tratar de diversos assuntos e estreitar o relacionamento com a empresa. A reunião ocorreu, no dia 13 de fevereiro de 2019, quando Lucio foi recebido pelo diretor de Distribuição e Comercialização da Companhia Ronaldo Gomes de Abreu. 

Um dos temas discutidos foi o aprimoramento da comunicação entre o Conselho e a Companhia que tem em seu quadro inúmeros profissionais do Sistema. Outro ponto, foi a possibilidade de um atendimento exclusivo para profissionais da Cemig que precisarem resolver alguma questão com Crea-MG.

Na oportunidade, a Cemig demonstrou interesse em receber palestra sobre a importância do acervo técnico. Já o Crea-MG pretende convidar a Companhia para apresentar os trabalhos desenvolvidos. “A Cemig é uma empresa que tem diversos projetos inovadores na área de geração de energia e seria muito bom que apresentassem para os nossos conselheiros conhecerem”, destacou o presidente Lucio Borges.

Da Cemig, participaram da reunião, além diretor Ronaldo, os gerentes de Relações Sindicais e de Trabalho Brunno Vianna Santos Sant’Anna, de Engenharia e Sistemas da Distribuição Luiz Braz Franceschini, e  o superintendente em exercício de Gestão de Ativos da Distribuição Marcos Antônio Arruda Lopes. O presidente Lucio estava acompanhado dos chefes de gabinetes, do Confea Luiz Rossafa e do Crea-MG, Marcos Venicius Gervásio, e do gerente de Atendimento Registro e Acervo Luiz Pimenta

Os inspetores do Crea-MG de Pedro Leopoldo reuniram-se com profissionais do município de Lagoa Santa e cidades vizinhas  ligados Associação de Engenheiros e Arquitetos de Lagoa Santa (Area). No encontro, que ocorreu no dia 12 de fevereiro de 2019,  os inspetores ouviram as pautas e solicitações dos profissionais da Area, com destaque para a importância da valorização profissional. “Estivemos em Lagoa Santa para  aproximar ainda mais o Crea-MG dos profissionais daquela cidade. Já temos um bom relacionamento com eles, e vamos trabalhar em conjunto com a Area para melhorar o trabalho do Conselho na região”, destaca o inspetor-chefe de Pedro Leopoldo, engenheiro civil Edilcio Fagundes.

A pauta da reunião também abordou a possibilidade de, em conjunto com a prefeitura de Lagoa Santa, designar um local permanente para que haja um fiscal do Crea sempre de prontidão para atender construções e projetos da região. Além disto, também foi discutida a realização de palestras sobre o Sistema Confea/Crea e Mútua para os profissionais das cidades próximas a Pedro Leopoldo e Lagoa Santa.

Asep em Ação

Após a reunião, os inspetores voltaram para a sede da Inspetoria de Pedro Leopoldo para participar de uma palestra que tratou do reaproveitamento de rejeitos de mineração, com o professor do Departamento de Engenharia de Minas da UFMG, engenheiro de minas Roberto Galéry. O evento, que faz parte do projeto Asep em Ação, foi uma continuação da visita técnica realizada pelo presidente do Crea-MG, engenheiro civil Lucio Borges, no dia 31 de janeiro de 2019.

A palestra reuniu cerca de 50 participantes, entre profissionais da área e estudantes, e apresentou o projeto de processamento e manejo de rejeitos de barragens que é desenvolvido pelo Centro de Produção Sustentável (CPS) da universidade. Roberto explicou o processo de produção de materiais que podem ser utilizados para construção civil, que consiste em levar os rejeitos para o forno, onde perdem água e se transformam num material denominado lama calcinada. Ele explicou que o pó resultante pode ser usado como pigmento e cimento, devido às propriedades ligantes, e também pode ser transformado em pisos drenantes e asfalto. “O que procuramos desenvolver são tecnologias que possibilitem uma mineração sustentável”, explicou Roberto.

O projeto Asep em Ação é viabilizado através do Chamamento Público de 2018 do Crea-MG, que seleciona projetos de entidades de classe registradas no Conselho que tenham como objetivo o aperfeiçoamento das profissões abrangidas pelo Sistema Confea/Crea. “É uma iniciativa muito importante do Conselho, pois investe em atividades que promovem a valorização profissional", finalizou Edilcio.

O inspetor-secretário do Crea-MG em Itajubá, engenheiro civil Paulo Galhardo, representou o Conselho nas solenidades de formatura das turmas de engenharia de produção, mecânica, civil e elétrica do Centro Universitário de Itajubá (Fepi). As cerimônias ocorreram nos dias 1º e 2 de fevereiro de 2019, em Itajubá.

A Inspetoria de Itajubá e a Fepi celebram uma relação que já se estende há mais de 10 anos. Juntos, oferecem palestras, cursos e simpósios para alunos e profissionais do Sistema Confea/Crea da região. “É extremamente produtivo para todos. Com essa ação, divulgamos o Conselho e nos aproximamos dos alunos e profissionais, que entendem seu funcionamento e importância para as profissões da área tecnológica”, explicou o inspetor-secretário Paulo.

O presidente do Crea-GO, engenheiro agrônomo Francisco Almeida, reuniu-se com o presidente do Crea-MG, engenheiro civil Lucio Borges no dia 07 de fevereiro de 2019, na sede do Conselho em Belo Horizonte. O objetivo principal do encontro foi convidar oficialmente o Crea-MG para participar do 18° Prêmio Crea Goiás de Meio Ambiente, como apoiador institucional. “Estamos felizes de poder participar desta premiação que vem para reconhecer ações práticas que estimulam a consciência ambiental e o desenvolvimento sustentável para a população em geral”, destaca Lucio Borges.

Além do apoio do Crea-MG, a 18ª edição do Prêmio terá, pela primeira vez, a participação de trabalhos de Minas Gerais, expandindo o alcance da premiação. Hoje o evento já abrange os estados de Goiás, Tocantins, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, além do Distrito Federal. “Este ano também convidaremos o Crea-MG para fazer parte da Comissão Julgadora. E como sabemos que existem muitas ações sustentáveis desenvolvidas neste Estado, profissionais e sociedade poderão participar enviando trabalhos dentro da temática ambiental”, afirma Francisco Almeida.

A premiação

Podem concorrer ao Prêmio trabalhos executados por profissionais, personalidades, entidades e instituições públicas e privadas, pessoas físicas e jurídicas ou propriedades rurais, em prol da preservação, recuperação, defesa ou conservação do meio ambiente, nas seguintes modalidades: Elementos Naturais, Imprensa, Inovação Tecnológica, Sociedade Sustentável e Produção Acadêmica.

O lançamento oficial da 18ª edição será no dia 06 de junho de 2019. Já a solenidade de premiação dos projetos vencedores ocorrerá no dia 21 de novembro deste ano.

Confira as fotos

A diretoria do Crea-MG se reuniu, no dia 07 de fevereiro de 2019, com a presidente do Instituto Feminino de Engenharia (IFE), engenheira civil Alaize Reis, e a vice-presidente do IFE, engenheira civil Marinésia Costa Makatsuro, para firmar parceria entre as instituições. “É uma gratidão muito grande estarmos aqui. Como profissionais da engenharia, não poderíamos estar em outro lugar além do Crea, que é a nossa casa”, destaca a presidente Alaize.

A parceria dá início ao IFE, que vem para fortalecer a engenharia e garantir a participação feminina no Sistema. “Contaremos com a participação de todas as mulheres da nossa classe. Que bom que Minas Gerais está saindo na frente neste objetivo em comum, que é unificar e fortalecer a engenharia brasileira”, afirma a vice-presidente Marinésia.

IFE

O IFE é a primeira instituição de engenharia no país com diretoria formada apenas por mulheres, nas diversas modalidades da engenharia, segundo a presidente do Instituto. “Nós nos unimos com o objetivo de valorizar a classe da engenharia que, neste momento, está passando por muitos percalços. Sabemos que a mulher profissional da área de engenharia tem muito a agregar ao Sistema Confea/Crea e Mútua, e precisamos de mais representação no mercado” ressalta Alaize.

O evento de lançamento do IFE será no dia 30 de março de 2019, na sede do Crea-MG, em Belo Horizonte. De acordo com a presidente, o Instituto terá abrangência nacional. “A sede é em Minas Gerais, mas queremos abrir núcleos e filiais em todos os estados. Para isso contamos com o apoio de todos os profissionais da área no país.” enfatiza Alaize.

Confira as fotos