Pesquisar no site...

As chuvas intensas que caíram no mês de março em Belo Horizonte provocaram estragos nos asfaltos de ruas e avenidas da cidade. Em vários pontos, a infiltração da água abriu buracos e crateras. O problema se agravou na BR-356, na ligação com a avenida Nossa Senhora do Carmo, região Centro-Sul da capital mineira, onde ocorreu um afundamento na via com risco de queda do muro de contenção.

Para discutir a situação das obras estruturais e emergenciais de engenharia em Belo Horizonte, o vice-prefeito, engenheiro eletricista Paulo Lamac, reuniu-se com o presidente do Crea-Minas, engenheiro civil Lucio Borges, no dia 05 de abril de 2018, na sede do Conselho. “Esse diálogo com o Crea é fundamental para que nós possamos ter um planejamento conjunto no desenvolvimento do município. Nossa intenção é que a cidade volte a ter um crescimento econômico e a participação da engenharia nisso é indispensável”, ressaltou Paulo Lamac.

Os gargalos que o município enfrenta em viabilizar os projetos de engenharia, especialmente em relação ao planejamento foram pontos centrais da pauta. “Queremos manter um diálogo aberto com a administração municipal porque acreditamos que a engenharia pode contribuir para encontrar o melhor caminho para resolver as questões relativas a projetos e obras”, afirmou Lucio Borges.

 

Confira as fotos